Homem velho

pen1

Foto de Irvin Penn

Nesta guerra não declarada
Cujo campo de batalha situa-se dentro de mim
Titilam duas espadas, uma delas enferrujada
Gabando-se de suas próprias falhas
A outra é empunhada em braço atrofiado
Que pelo desuso, ócio e indolência
Ergue-se solapado
Tímido de sua decência
Esta esgrima constante
Tem berço nos séculos
Duelo impermanente
Com trégua com data marcada
Este dia estará próximo
Com a rendição da arrogância
Com o esmaecer do ódio
Com o atenuamento da intolerância
Com a reeducação da concupiscência
Uma bandeira branca então será hasteada
Demarcando um nascente território de paz
A minha própria infante
Consciência
Guilherme Ferreira
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s